Mensagens

A mostrar mensagens de Junho, 2014

A culpa morre sempre sozinha

O cansaço com que leio as constantes notícias sobre a matéria fiscal do país são no mínimo irritantes. A paciência esgota-se a cada novo artigo. Já todos sabemos, e a sua maioria já o sentiu e sente a excessiva carga fiscal imposta aos contribuintes, quer particulares quer coletivos, e não é de agora, é de um passado que já tem uma história demasiado enraizada para ser recente! A austeridade é já tema constante nas mesas públicas, é tema de conversa nos cafés, nas ruas e até nas escolas, crianças que ainda nem sequer sabem o significado do dinheiro já sabem definir corretamente o conceito da austeridade.

Mais vale uma corda no pescoço!

Da inconstitucionalidade à incoerência de governação, passando mesmo pela incompreensão da realidade económica, de uma coisa é certa, as expectativas numa política e num conjunto de medidas que promovam realmente o crescimento económico são relativamente nulas neste momento. Na verdade, já nada espanta sobre as decisões tomadas, a persistência em medidas de austeridade como solução já estão mais que vistas que não produzem resultados sólidos, mas que mesmo assim, continuam a ser aplicadas.